Kaitlin Garcia-Maestas é curadora e diretora de exposições no Socrates Sculpture Park em Queens, NY, e cocuradora do Desert X 2025. Nascida e criada no Novo México, sua prática curatorial explora temas de deslocamento, resistência decolonial e hibridismo cultural nos Estados Unidos e nas Américas. Por mais de uma década, ela se dedicou a defender e realizar instalações em grande escala, específicas para locais, de artistas historicamente sub-representados e em início de carreira.

Anteriormente, Garcia-Maestas foi Curadora Associada de Artes Visuais no Momentary, o espaço satélite contemporâneo do Crystal Bridges Museum of American Art, onde desenvolveu um robusto programa de exposições focado em intervenções arquitetônicas específicas do local. Enquanto estava no Momentary, ela também supervisionou o programa de residência artística e organizou mais de uma dúzia de exposições e instalações ao ar livre, incluindo novas encomendas de Martine Gutierrez, Matthew Barney, Nicholas Galanin, Xaviera Simmons e Tavares Strachan.

Exposições recentes incluem Mary Mattingly: Vazão de uma maré de primavera (2023, Parque de Esculturas Sócrates); Yvette Mayorga: Que hora de ser (2022); Esteban Cabeza de Bacá: Deixe a Terra Respirar (2022); Uma paisagem dividida (co-curadoria com Neville Wakefield, 2022); Diana Al-Hadid: Cinzas nos ventos alísios (2021); e De alguma forma ou moda (2021), todos no Momentâneo. Antes do Momentary, ela ocupou cargos de curadoria no Denver Art Museum, na Bienal das Américas e no MCA Denver.

Press

ArtDaily, 27 de novembro de 2022. “O Socrates Sculpture Park recebe Kaitlin Garcia-Maestas como nova curadora e diretora de exposições"